Em homenagem ao aniversário de 103 anos do América Futebol Clube, foi comemorado na manhã deste sábado (14), mais um honroso ciclo de vida do clube. O evento ocorreu na Sede Social e foi realizado da seguinte maneira: primeiramente iniciou com hasteamento da bandeira, hino nacional, hino do América Futebol Clube, missa em ação de graças no salão superior e, por fim, o tradicional café da manhã.

Thumb whatsapp image 2018 07 14 at 104502Além da diretoria do Orgulho do RN, a solenidade foi aberta para imprensa e todos os torcedores do clube que quisessem participar do evento. O salão nobre ficou completamente lotado com àquela energia positiva dos torcedores alvirrubros de todas as idades. A diretoria homenageou também, os parceiros do clube, alguns jogadores e, em especial, Carlos Moura Dourado que teve seu livro,” Moura, o príncipe negro” escrito pelo jornalista Bruno Araújo e lançado pela Editora Primeiro Lugar hoje pela manhã.

Acerca do evento, o presidente do Conselho Deliberativo, José Vasconcelos da Rocha, que já participou de diversos aniversários da instituição ao logo de sua história falou sobre à importância desta data para o clube.


"Muito grande. Primeiro porque não pode deixar de comemorar o aniversário de uma instituição que completa 103 anos recheados de vitórias e glórias. Porque eu digo sempre o seguinte, o América, o Rio Grande do Norte tem uma história de clube antes e depois do América porque, na verdade, clube mesmo, no Rio Grande do Norte é só o América. Os outros são times de futebol. Então, uma data dessa, é um congraçamento de trazer o povo, trazer os torcedores e eles estão aí conosco", afirmou.

Fotos: Canindé Pereira e Antônio Netto/América FC

Banner detran