Contratado junto ao URT, clube mineiro que defendeu no Brasileirão de 2016, o atacante Tony estreou na noite desta quarta-feira (18) e muito bem, por sinal. Saiu do banco de reservas aos 30 minutos do segundo tempo para substituir Raul, que tinha entrado na segunda etapa mas acabou "sentindo" contusão. 

Foram 5 toques na bola do atacante de 23 anos até, aos 43 minutos, aproveitar o cruzamento de Michel Benhami e, na primeira trave, se antecipar e cabecear sem chances para o goleiro Rafael Dida que, até então, se mostrava intransponível com uma atuação brilhante na Arena das Dunas. O gol pôs fim a um jejum de quatro jogos sem vitória do América e colocou o time rubro na liderança da Copa RN com mais duas equipes.

- Estava esperando, trabalhando junto com o grupo. O grupo é forte, é bom, cada um buscando sua oportunidade. Esperei a minha e fui feliz. Deus me abençoou com o gol, a gente conseguiu a primeira vitória e passo a passo a vamos melhorar. Agora vamos descansar e nos preparar para o clássico contra o ABC - disse.

Foto: Canindé Pereira/América FC

-  


Banner detran