O meia Marcos Júnior parece ter superado o "tropeço" cometido no início do Campeonato Potiguar. Após ser expulso com 15 minutos de jogo na estreia contra o Santa Cruz, o carioca natural do Rio da Janeiro-RJ de 21 anos têm mostrado crescimento a cada partida. Contra o Botafogo-PB pela Copa do Nordeste marcou seu primeiro gol com a camisa do Mecão. No confronto diante do Alecrim na última quarta-feira (1), mais uma vez balançou as redes e mais, deu a assistência que resultou no gol do centroavante Tony e na vitória do Alvirrubro.

Para o jogador, que é um dos reforços contratados para a temporada 2017, o América vem apresentando crescimento a cada partida.

- O entrosamento está chegando e o professor (Surian) faz a gente trabalhar todo dia na busca da melhor forma. Estamos conhecendo um ao outro e as jogadas estão saindo. Nosso time está tomando forma a cada jogo e vamos crescer ainda mais - disse.

Marcos falou, ainda, da responsabilidade que é jogar no América e enfatizou a entrega dos atletas a cada compromisso.

- Todos nós sabemos o peso e a importância de jogar em uma equipe grande como o América. Um clube centenário que merece títulos e conquistas importantes. A torcida tem todo o direito de cobrar, eles querem show e merecem isso pela grandeza do clube. Todo mundo está correndo, batalhando por cada bola e mostrando que merece vestir essa camisa que é pesada, gloriosa. Vamos continuar trabalhando e lutando pelo América até o fim - garantiu.

Foto: Canindé Pereira/América FC
 

Banner detran