Thumb img 7162Após o treinamento desta segunda-feira (7), o técnico Leandro Campos atendeu à imprensa, falou sobre o jogo do último sábado (5), contra a Juazeirense, em Juazeiro/BA, enfatizou a unidade do grupo e acredita na virada por parte do América, que precisa fazer 4 ou mais gols para ascender à Série C do Campeonato Brasileiro. Caso o placar aponte 3 a 0 para o Alvirrubro, a decisão irá para os pênaltis. 

"Trabalhamos pra isso, para que nós colhêssemos um bom resultado. Até, no primeiro tempo, conseguimos estabilizar as ações, mas infelizmente nós sofremos um gol aos 15 e outro aos 20 e, queira ou não, isso aí cria um desequilíbrio normal pra uma equipe e no final do jogo, aos 40, nós sofremos o terceiro. Então não tem, assim, uma explicação exata. Quando se perde, se perde todo mundo. Não se perde A, B ou C. Quando se ganha também, da mesma forma, todos ganham, todos perdem, só que nós temos que ter o seguinte conseguindo pensamento: o jogo ainda não terminou. Infelizmente está 3 a 0 para adversário. Agora se adversário teve condições de fazer três gols no América, o América vai ter que buscar argumentos técnicos, táticos, físicos, seja lá o que for para também buscar essa igualdade no placar", afirmou.

Após a primeira partida diante da equipe baiana, os torcedores que estiveram presentes apoiaram os jogadores na saída para o vestiário. O comportamento têm sido o mesmo nas redes sociais e no treinamento de hoje (7). A nação alvirrubra mostrou confiança no grupo e amor incondicional ao clube. 

"Eu gostei muito da postura do nosso torcedor não só aqui no treinamento que está nos incentivando, está nos acreditando que nós vamos conseguir ganhar o jogo e buscar o acesso, assim como os torcedores que foram lá em Juazeiro/BA. A postura deles foi muito positiva, então isso é um alento. Isso, talvez, seja a maior força que nós precisaremos para esse momento, que é o momento que nós temos de dar o suporte e apoio aos nosso jogadores. Nós não podemos jogar os nossos jogadores pra baixo. Então não vai ser a primeira vez e não vai ser a última que uma equipe de futebol, ela no mata-mata ou numa semifinal, na decisão do campeonato, ela tropece no primeiro jogo. É incumbência nossa, e eu tenho certeza absoluta, que isso vai criar muito mais envolvimento dos nossos atletas, como também do nosso torcedor, para este jogo de domingo (13)", disse.

Fotos: Canindé Pereira/América FC

Banner detran