O executivo de futebol do América, Carlos Moura Dourado (centro), acompanhou a reapresentação do elenco americano nesta segunda-feira (30), no CT Dr. Abílio Medeiros, em Parnamirim e, na ocasião, o dirigente confirmou a sequência do planejamento traçado pelo clube. Moura falou, também, sobre a situação do atacante Jussimar, o diretor confirmou a não permanência do atleta. 

– Após o jogo contra o ABC, na partida seguinte ele não foi relacionado e por isso manifestou a possibilidade de não permanecer. Como queremos jogadores que estejam comprometidos, oferecemos a rescisão dele – explicou.

Sobre a possibilidade de novas contratações, o ídolo do clube é enfático ao dizer que segue procurando, mas tirar um jogador de uma equipe é difícil já que quem tem um atleta na equipe em tese não quer soltar. Além disso, Moura destacou que a princípio o clube quer investir nesse grupo. E por fim, o dirigente fez uma avaliação dos últimos resultados do América. Ele lembrou que o resultado diante do Globo não estava no planejamento.

– Sabíamos que o jogo ia ser difícil. Ocorreu a expulsão do lado deles e acabamos ficando com uma vantagem numérica, mas não conseguimos no decorrer do jogo transformar essa vantagem dentro de campo o que ocasionou a derrota, mas vamos continuar lutando. Temos três jogos pela frente, sem contar os confrontos das equipes que estão à nossa frente e vamos trabalhar em busca dos resultados para que possamos chegar na decisão – falou.

Foto: Canindé Pereira/América FC

Banner detran